Loading...

Por que criei o projeto Organice

Home / Business / Por que criei o projeto Organice

Criei o projeto Organice, por acreditar que um ambiente organizado, equilibrado e bonito ajudam a melhorar a qualidade de vida física e emocional das pessoas.

Acredito que nascemos para desfrutar de ambientes belos, limpos e harmônicos. Que nossas casas e ambientes de trabalho são um reflexo do que somos e temos para oferecer. E que se tudo funciona de dentro para fora, também é possível nos alinharmos de fora para dentro.

Acredito na reciclagem, na bricolagem, na doação, na troca, na economia criativa, na re-significação de objetos. Acredito nestas ações como parte de uma revolução necessária à evolução e preservação de nosso planeta. Acredito em seu potencial criativo e físico, já que ao praticarmos o reaproveitamento, estamos não só consumindo menos, como exercitando nosso poder de recriar e recombinar elementos.

Acredito, portanto, na transformação do Ser através destes processos. Do Ter dando lugar ao mais Ser. Do Mais dando lugar ao Menos, no sentido de que a vida Simples pode trazer muito mais PAZ.

Por outro lado, também acredito que não há regras quando se trata do Ser. Os extremos são prejudiciais, mas nada impede que uma pessoa seja feliz sem ser tão minimalista. Combatemos o acúmulo, mas também não adoramos a falta. Acredito no caminho do Meio, no equilíbrio e no respeito às características de cada indivíduo ou grupo.

Acredito que Organização, Decoração e ferramentas como Feng Shui possam contribuir nesse processo de Design e RE-Design de Ambientes. E sabendo que Harmonização consiste na “combinação de elementos no ambiente, que visa trazer bem-estar e satisfação a quem nele habita”, acredito que Harmonização é tudo aquilo que pode contribuir com esse resultado, pra lá de subjetivo, já que cada ser entende a satisfação à sua maneira.

Acredito que o ambiente é uma espécie de organismo, dinâmico, vivo, intenso, sempre em mutação… e portanto essa Harmonização também é orgânica, devendo ser considerada e tratada como tal e não como algo estático.

* Texto escrito a partir da técnica “Start with Why”, de Simon Sinek, sugerida por minha assessora de Comunicação Patrícia Fernandes, da Bricklane Estratégia Digital e Conteúdo.