Loading...

Mas afinal, o que é harmonização de ambientes?

Home / Artigos / Mas afinal, o que é harmonização de ambientes?

Diz no dicionário da Língua Portuguesa que harmonia é um substantivo feminino com dois tipos de significado: 1- combinação de elementos ligados por uma relação de pertinência que produz uma sensação agradável e de prazer; 2- ausência de conflitos; paz, concórdia.

Sendo harmonizar o ato de criar harmonia, qualquer tipo de harmonização, incluindo a de ambientes, precisa ter como resultado a entrega dessa sensação de prazer e paz. Pode haver algo mais subjetivo? Pois é, o que significa agradável para você ou para mim, pode não significar para outros. Logo, notamos que harmonizar um ambiente para alguém requer, dentre muitos fatores, entender quem é este alguém por trás da demanda.

Ainda sobre o significado de harmonizar e o resultado de tal ato, pode-se dizer que um ambiente limpo é agradável. Que um ambiente organizado remete à paz. Que um ambiente bem decorado é prazeroso. Onde quero chegar? Além da subjetividade da entrega, quero chamar a atenção para o fato de que qualquer pessoa ou profissional que for capaz de produzir esse estado de paz, prazer e bem-estar pode ser chamado de harmonizador. Pelo menos, assim deve ser o raciocínio baseado na semântica da cousa.

Entretanto o que se propagou conceitualmente foi a figura do harmonizador de ambientes ligado a questões menos materiais. Ao pensar em harmonização de ambientes, vem logo a imagem do consultor de Feng Shui, do radiestesista, do aromaterapeuta, ou de algum recurso místico, não é mesmo? Isso porque sempre que pensamos em harmonia, pensamos em fatores que nem sempre estão relacionados à decoração e organização de nossos espaços.

Separar as profissões de personal organizer, designer de interiores e consultores como os de Feng Shui faz sentido pelo pacote de conhecimentos e técnicas que cada um oferece. Todavia nós já sabemos que uma casa bem organizada e decorada pode trazer grande alívio aos olhos, à alma e à rotina. E se assim o é, estamos falando SIM de harmonização.

Aplicar os serviços destes profissionais separadamente trará resultados benéficos, mas aplicá-los integradamente pode trazer muito mais, já que todos são harmonizadores em essência. As ferramentas podem ser diferentes, mas a meta é sempre a mesma – facilitar a vida do cliente, deixá-la mais leve, torná-la mais interessante.

Conceito esclarecido, sugerimos sempre esse olhar mais sistêmico que abraçamos aqui no Organice harmonização orgânica: se traz felicidade, então já tem harmonia! <3

 

Comments(0)

Leave a Comment